Henry Cavill e Royal Marines, Mais Que Uma Parceria, Uma Missão

Nosso Henry não é o único super herói na família, apesar de estar acostumado com papéis como o de Teseu em Imortais, seu irmão mais velho Nick Cavill é o Major Nick Cavill, dos Royal Marines.
Henry tem se dedicado à causa dos Royal Marines Charitable Trust, como seu embaixador, para arrecadar fundos que ajudam no tratamento de soldados feridos e apoio às suas famílias.

Veja a matéria completa sobre esses dois heróis em: http://crazyforhenrycavill.blogspot.com.br/2015/05/dupla-dinamica.html
Quem são os Royal Marines
Os Royal Marines são a força de infantaria anfíbia da Royal Navy, a Marinha do Reino Unido. São similares ao Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil  e são especialistas emoperações anfíbias, de montanha e no ártico. Possuem um dos maiores cursos de treinamento de infantaria no mundo.
Sua História

Os fuzileiros navais foram formados como parte do Serviço Naval em 1755.

No entanto, suas origens remontam a 28 de outubro de 1664, quando soldados ingleses foram enviados pela primeira vez ao mar para lutar contra os holandeses.
Este ano estarão completando 351 anos.
Ao longo de sua história, os Royal Marines tem sido vistos em ação em uma série de grandes guerras e lutam muitas vezes ao lado do exército britânico – incluindo A Guerra dos Sete Anos, as Guerras Napoleônicas, a Guerra da Criméia, as duas Grandes Guerras Mundiais. Nos últimos tempos, os RM foram amplamente implantados em papéis de guerra expedicionárias, como a Guerra das Malvinas, a Guerra do Golfo, a Guerra da Bósnia, a Guerra do Kosovo, a guerra civil na Serra Leoa, a guerra do Iraque e da guerra no Afeganistão. Os Royal Marines têm laços internacionais com forças navais aliadas.
Efetivo
Possuem um efetivo regular de7.420 militares, além de uma força de reserva voluntária em tempo parcial de 970, dando um total de 8.390 fuzileiros navais. Isso faz com que os Royal Marines sejam a maior força de seu tipo na União Europeia, e a única força européia capaz de realizar operações anfíbias, a nível de brigada.
A estrutura de comando do corpo é semelhante ao do exército britânico com os oficiais e praças recrutados e treinados inicialmente separadamente dos outros marinheiros.
O chefe geral dos Royal Marines é Sua Majestade a Rainha Elizabeth II, em seu papel como Comandante em Chefe das Forças Armadas britânicas. O chefe cerimonial dos Royal Marines é o capitão-mor Royal Marines. O atual capitão-mor é o Príncipe Philip, Duque de Edimburgo.
O comando militar dos Royal Marines é exercido por um comandante geral, um Major General, que atua como Comandante da Força Anfíbia do Reino Unido. Atualmente este comandante é o Major-General Martin Smith.
Lema e Brasão
Nossas fontes:
 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *